Abordando a História: Carlos Marighela - Tem que ver
quinta-feira, junho 17, 2021

Em 1964, houve um golpe militar no Brasil. No lugar do presidente deposto João Goulart, instalou-se uma junta que logo seria substituída pelo primeiro presidente do golpe: Castelo Branco. Ali se iniciou um dos períodos mais repressivos e violentos da história da política brasileira, a ditadura militar, que se manteve no poder até 1985. E hoje percebemos, devido à pesquisa realizada sobre a representação cinematográfica da ditadura militar no Brasil , que a filmografia brasileira tem produzido muitos filmes sobre o tema. Carlos Marighella é um personagem deste momento histórico do Brasil.

Marighella criou a Ação Libertadora Nacional (ALN) em 1968, um ano depois de ter sido expulso do PCB. A ALN foi uma das organizações da esquerda armada mais ativa durante o regime militar, e entre suas ações, destaca-se o sequestro do embaixador americano Charles Burke Elbrick. Marighella escrevia também livros que se tornaram manuais para os guerrilheiros, vivendo na clandestinidade. Foi assassinado em 4 de novembro de1969. O governo brasileiro reconheceu publicamente a responsabilidade pela morte de Marighella em 1996.

 

Apresentamos dois filmes sobre o tema:

Marighella (2019)

Dirigido por Wagner Moura, baseado na vida de Carlos Marighella. O filme, adaptado da biografia Marighella – O Guerrilheiro que Incendiou o Mundo, de Mário Magalhães, é o primeiro de Moura como diretor e conta com Seu Jorge como protagonista, Adriana Esteves, Bruno Gagliasso e Humberto Carrão, entre outros.

O filme estrearia nos cinemas brasileiros em 20 de novembro de 2019, dia nacional da Consciência Negra, porém foi adiado (censurado) para 2020 devido a problemas  com a Agência Nacional do Cinema. 

 

Marighella (2011)

Dirigido por Isa Grispum Ferraz, o filme se estrutura em sete capítulos, batizados a partir de pistas públicas que a ajudam a decifrar o enigma privado. A trajetória do militante é assim resumida, das origens modestas à caça mais cobiçada pela repressão militar após o golpe de 1964, passando pela adesão ao PCB, por prisões e longos períodos de clandestinidade, pela ruptura com o partidão e pela guinada para a resistência armada contra a ditadura. O filme conta também com a ótima trilha sonora dos Racionais MCs

Abaixo, o filme completo

Tags: , , , , , , , , ,