Xadalu e o Jaguaretê - Tem que ver
quinta-feira, junho 17, 2021

O filme acompanha o intercâmbio entre os dois artistas por um ano. Xadalu parte para território guarani na fronteira entre Brasil e Argentina, onde é guiado por Ariel. Enquanto viajam por aldeias isoladas, Xadalu tenta transformar em forma de arte as vivências que tem. Após esse período, Xadalu viaja disseminando e apresentando o seu trabalho por várias cidades. Ariel o acompanha nessa trajetória, filmando por onde passam. Dessa vez é Xadalu quem guia Ariel a conhecer um mundo novo: o da arte de rua. Unidos na mesma luta pela causa indígena, eles cruzam por lugares, enquanto a relação se transforma.

Xadalu é o artista criador do rostinho de indiozinho que aparece colado em formas de adesivos e cartazes por toda a cidade de Porto Alegre. Sua forma de arte é a sticker art  e seu trabalho se encontra disseminado nas ruas de mais de 60 países.

 

Ariel, que além de personagem é co-diretor do filme, reside na Terra Indígena Tekoà Koenju, localizada em São Miguel das Missões (RS). Seus filmes já conquistaram prêmios e foram exibidos em diversos países. Ele é um dos principais representantes da geração de cineastas indígenas surgidos através do projeto “Vídeo nas Aldeias”.

 

FICHA TÉCNICA

 

Diretor: Ariel Kuaray Ortega

Ano: 2020

Categoria: Documentário Nacional

País: Brasil

Tags: , , , , , ,